A Morte bate a sua porta

Publicado em 24 outubro 2013

capa

Em uma noite que parecia igual a todas as outras, Paulo recebe a visita da Morte e descobre que está vivendo seus últimos instantes. Ele tenta de todas as formas convencê-la de que precisa de mais tempo. E quem não precisa? O texto é inspirado no conto “A morte bate a porta”, do cineasta norte-americano Woody Allen, que é, por sua vez, uma sátira do filme “O Sétimo Selo”, de Ingmar Bergman. Na história de Allen, a vítima escapa graças a um jogo de biriba. Já neste divertido espetáculo de Anderson Oliveira, a Morte aceita jogar uma partida – mas não parece disposta a deixar o protagonista burlar sua missão.

A disputa tem início – mas a dupla só não contava com a visita do primo sacana de Paulo, Max, e da histérica Julia, namorada da vítima, dois personagens tão ou mais excêntricos do que a própria Morte, e que também entram na partida. Comédia é o ingrediente principal no encontro desses três jovens com a algoz de Paulo, e uma reviravolta inesperada no fim garante ao público uma experiência inesquecível – além de muitas gargalhadas.

Confira Alguns Cliques do Espetáculo:
 

Confira o Vídeo do Espetáculo Clique Aqui

  nav-shadow  

Deixe seu comentário